PÁGINA INICIAL
NOTÍCIAS | BIOGRAFIA | DISCOGRAFIA | DVD | TOUR | BOSS BANDS | TOP10 | BrucePT
| BIOGRAFIA |

. 23.Set.1949
. 1960's
. 1970's
. 1980's
. 1990's
. 2000's
. 2010's

 
| 1980 |

Em Outubro, e pela primeira vez na carreira de Bruce Springsteen, é editado o álbum que atinge o nº1 nas tabelas de vendas: "The River". Este duplo álbum foi gravado ao longo do ano e a tournée de apoio, começou inclusivé, antes do mesmo ter sido lançado.
Na The River Tour os concertos batem recordes de duração, chegando mesmo a ultrapassar as 4 horas, como nas três noites seguidas no final do ano, no Nassau Coliseum em Nova Iorque.


The River

"Hungry Heart" torna-se no primeiro single de Springsteen, a atingir o top 10 da Billboard.


Hungry Heart

| 1971 |


Em meados do ano, Bruce inicia uma digressão europeia, a maior até agora fora dos Estados Unidos, com mais de 30 datas em 10 países. No entanto, os concertos são consideravelmente mais curtos.

Em Agosto, Springsteen dá um concerto de beneficiêcia para os veteranos americanos da guerra do Vietnam, sendo este considerado também, um dos seus melhores espectáculos.


A Night For the Vietnam Veterans

Steve Van Zandt participa oficialmente pela última vez, com a E Street Band, no último concerto da tournée, em Cincinatti. Voltará novamente em 1999!

| 1982 |

No início do ano, Springsteen grava algumas músicas em sua casa, em New Jersey, num gravador de quatro pistas.
Mais tarde servirão como demos para gravações com a E Street Band, para um novo álbum. No entanto, os resultados obtidos não são satisfatórios, e algumas das músicas acabaram por ser lançadas tal e qual como foram gravadas inicialmente.
É assim que "Nebraska" é lançado, um álbum acústico e intimista, uma semi-vingança em relação ao rótulo que lhe quiseram impôr no início da carreira, quando o apelidaram de ser o novo Dylan.


Nebraska

O primeiro video do Boss é estreado na MTV, e a música escolhida é "Atlantic City". Ironicamente, Bruce Springsteen não aparece no video.


Atlantic City

| 1983 |

É o ano das gravações que ficaram conhecidas por Hollywood Hills Garage Tapes, demos que Springsteen gravou sozinho e que irão fazer parte, algumas, do próximo álbum e de lados B de singles.
Em meados do ano, o Boss, juntamente com a E Street Band, iniciam as gravações de mais um trabalho.

| 1984 |

As gravações continuam a bom ritmo, e no final, aproximadamente 100 músicas terão sido gravadas nos últimos dois anos. Para o novo registo, apenas 12 serão aproveitadas.

O primeiro single promocional do novo álbum é "Dancing in the Dark", provavelmente a música mais comercial de Bruce até à data.


Dancing in the Dark

No Verão de 1984, é editado "Born in the U.S.A.", o álbum que lançou definitivamente Bruce Springsteen e a E Street Band a nível mundial. Vende milhões e mantém-se nas tabelas de vendas por mais de dois anos.
A digressão começa logo a seguir... os espectáculos são grandiosos... os bilhetes esgotam num ápice... autênticas maratonas de rock 'n' roll.


Born in the U.S.A.

Em Setembro, na campanha para as presidenciais americanas, Ronal Reagan faz um discurso oportunista, onde menciona o nome de Springsteen. Dias mais tarde num concerto em Pittsburgh, Bruce responde com palavras amargas ao futuro presidente americano.

| 1985 |

Em Janeiro, Bruce participa nas gravações do álbum "We Are the World", cujo dinheiro das receitas reverterá para o combate da fome em África. Nesse álbum o Boss participa com uma música inédita ao vivo: "Trapped".
Ganha o grammy por melhor performance vocal masculina, para "Dancing in the Dark".


USA for Africa - We Are the World

A Born in the U.S.A. Tour continua, e é na Austrália que Springsteen se estreia em concertos de estádio. Situação que se irá repetir ao longo da tournée.

É o ano do casamento com a modelo e atriz Julianne Philips. Não durará muito...

O Boss tem ainda tempo para participar com o seu amigo de sempre Little Steven, num projecto contra o apartheid na África do Sul, na música "Sun City".

| 1986 |

É lançado o quíntuplo álbum "Bruce Springsteen & the E Street Band Live 1975-85". É o primeiro registo oficial do Boss ao vivo.
Este trabalho consegue transmitir fielmente, toda a energia e poder de Bruce Springsteen e a sua E Street Band nos espectáculos ao vivo, desde o início da carreira até ao presente.
Na edição em CD, são "apenas" 3 discos.


Live 1975-85

| 1987 |

Pelo terceiro ano consecutivo, Springsteen é eleito o artista do ano, pela revista Rolling Stone.
Mais uma vez, Bruce encontra-se em estúdio para gravar mais originais, mas desta vez a participação dos elementos da E Street Band nas gravações é feita individualmente.

É editado "Tunnel of Love", considerado por alguns como um fracasso, uma vez que esperavam um "Born in the U.S.A. - parte 2". Pelo contrário, Bruce grava um álbum de canções adultas, sobre o amor e as relações humanas.


Tunnel of Love

| 1988 |

A Tunnel of Love Express Tour arranca no início do ano nos Estados Unidos. A Europa virá a seguir, terminando a tournée em Espanha. Ao contrário da última digressão, estes concertos são efectuados principalmente em pavilhões.

Esta será a última digressão da E Street Band com Bruce Springsteen... até 1999!

Nos meses de Setembro e Outubro, participam ainda na tournée de apoio à Amnistia Internacional, em defesa dos direitos humanos: The Human Rights Now! Tour. O cartaz inclui outros artistas como: Sting, Tracy Chapman, Peter Gabriel e Youssou N'Dour.


Amnistia Internacional - Humans Right Now!

É lançado o álbum "Chimes of Freedom" com 4 músicas ao vivo. O titulo é a versão de um tema de Bob Dylan. Para além deste registo inclui também: "Tougher than the Rest", "Be True" e "Born to Run".


Chimes of Freedom

| 1989 |

Este ano é marcado pela divórcio de Springsteen com Julianne Philips, e também da separação amigável do Boss com a E Street Band que se torna oficial, e cai que nem uma bomba para todos os fãs e seguidores de Springsteen.



< Década 1970 Década 1990 >


 
Bruce Springsteen & the E Street Band - Badlands Portugal - 2001/2016

"It ain't no sin to be glad you're alive"
Badlands, Darkness On the Edge Of Town, 1978